Resultados
Gama

Carros mais seguros: 3 tecnologias que precisa conhecer

Novo Honda Jazz com Sistema de Airbag Central

A segurança continua a ser uma prioridade não só para quem procura um automóvel, mas também por parte das marcas. Anualmente, surgem diversas inovações tecnológicas que tornam os carros mais seguros para condutores e passageiros.

O que faz de um carro o mais seguro?

Para que a segurança nunca seja esquecida foi criado o European New Car Assessment Programme, mais conhecido por Euro NCAP. Desde 1997, este programa independente é a fonte mais fiável no que toca à segurança dos automóveis existentes no mercado europeu.

Num total de 7 testes, alguns dos elementos estudados são:

  • o impacto, em caso de acidente, de vários ângulos e contra diferentes objetos;
  • o chicote cervical (o impacto que o acidente pode vir a ter na coluna de um passageiro);
  • como funciona a travagem autónoma de emergência;
  • a segurança das crianças a bordo;
  • a proteção dos peões envolvidos.

No entanto, nem todos os automóveis são selecionados pelo Euro NCAP para realizarem este teste, pelo que, na hora de escolher a sua próxima viatura, tenha este fator em consideração. A Honda tem dos carros mais seguros do mercado, como é o caso do Honda CR-V, que recebeu 5 estrelas nos testes do Euro NCAP.

Testes do airbag dianteiro central do novo Honda Jazz

Principais características de um carro mais seguro

Na procura por um carro novo, a segurança vem, habitualmente, em primeiro lugar. São diversos os elementos que influenciam na segurança, pelo que é fundamental garantir uma boa manutenção e qualidade de:

  • Cintos de Segurança
  • Barra de proteção laterais
  • Airbags
  • Sistema de Travões
  • Amortecedores
  • Suspensão

Com o intuito de promover os níveis de segurança nos carros em circulação, a União Europeia definiu algumas tecnologias de segurança ativa que devem ser incorporadas, com o objetivo de contrapor o erro humano em situações como acidentes rodoviários.

Até 2022, todos os fabricantes de automóveis terão que as integrar nos seus novos automóveis onze sistemas de assistência à condução, dos quais destacamos:

  1. Assistentes de velocidade inteligente: têm a função de limitar a velocidade dos automóveis de acordo com os limites de cada via.
  2. Sistemas de travagem de emergência autónoma: caso seja detetado um obstáculo, o carro imobiliza-se.
  3. Sistemas de deteção de fadiga do condutor: sensores que emitem alertas quando o condutor deve efetuar uma pausa na condução.
  4. Registo de informação de acidentes: uma espécie de caixa negra do automóvel, que registará a possível causa de um acidente.

Na hora de comprar um carro novo, deve ter em consideração se o mesmo responde positivamente a, pelo menos, três critérios fundamentais: quantidade de airbags, sistemas de assistência à condução e classificação nos testes Euro NCAP.

Tecnologia fundamental para carros mais seguros

Todos os anos, as várias marcas que integram a indústria automóvel investem milhões para inovar em tecnologias que permitam destacar os seus carros como os mais seguros.

Na Honda distinguimo-nos pela integração de 3 tecnologias que tornam os nossos carros mais seguros e que garantem a sua total fiabilidade.

Sistema de airbags do Novo Honda Jazz

Novo sistema de airbag dianteiro central

O novo Honda Jazz Hybrid é o primeiro modelo da Honda a integrar a nova tecnologia de airbag dianteiro central como standard. Através deste novo airbag, um dos dez presentes no novo Honda Jazz, é possível evitar o contacto direto entre passageiros e reduzir o impacto numa possível colisão lateral.

De forma geral, o impacto desta nova abordagem pode reduzir possíveis lesões na cabeça em 85%, para o passageiro mais próximo, e 98% para o passageiro mais distante.

Também a zona traseira do novo Honda Jazz inclui sistema de airbag lateral, para maximizar a segurança dos seus ocupantes. Com o objetivo de proteger os passageiros traseiros de impactos contra a porta e outras zonas da traseira do carro, em caso de colisão lateral esta tecnologia será ativada.

O airbag foi desenvolvido de forma compacta, com o intuito de não prejudicar a tecnologia exclusiva dos bancos do Honda Jazz.

Segurança integrada na estrutura do automóvel

O novo Honda Jazz incorpora a tecnologia estrutural da Honda Advanced Compatibility Engineering™ (ACE™). Uma rede de elementos estruturais interligados distribui a energia do impacto, de forma igual, pela parte dianteira, reduzindo as forças transferidas para o compartimento dos passageiros.

O ACE™ não protege apenas o veículo e os seus passageiros ao dispersar a energia proveniente da colisão por toda a estrutura, mas também reduz a energia da colisão contra outro veículo.

A funcionalidade Honda SENSING

As funcionalidades de segurança passiva do novo Honda Jazz são complementadas pelo conjunto de tecnologias de segurança ativa e assistência ao condutor, o Honda SENSING.

Um ângulo mais amplo e uma câmara com uma maior definição são algumas das melhorias que o novo Honda Jazz integra. A câmara identifica uma gama mais alargada de caraterísticas da superfície da estrada e do tráfego, que inclui:

  • deteção caso o veículo se aproxime da borda do pavimento;
  • deteção da aproximação de outro veículo;
  • deteção da passagem para outra faixa de rodagem sem indicação;
  • sinais de trânsito.

A câmara do novo Honda Jazz é também capaz de eliminar o embaciamento, de forma a permitir total nitidez do campo de visão.

Por sua vez, o conjunto de tecnologias de segurança que integram o Honda SENSING sofreram otimizações. É o caso do sistema de travagem atenuante de colisões com uma operação noturna melhorada, para detetar peões quando não existe iluminação pública nas ruas.

Este sistema alerta, ainda, o condutor quando deteta um ciclista a atravessar a estrada. Desta forma, aciona os travões quando o Honda Jazz atravessa ou dirige-se no caminho de outro automóvel.

Conclusão

Através destes e tantos outros sistemas de segurança ativa e passiva que existem nos automóveis, nas cidades e nas estradas, o nosso futuro revela-se cada vez mais seguro. Cidades inteligentes, integração de tecnologias de condução autónoma, fazem parte de como a Honda imagina a mobilidade do futuro.

Honda Portugal Automóveis
Honda Portugal Automóveis A Honda chegou a Portugal em 1968, preparada para conquistar os portugueses com a sua inovadora tecnologia e os melhores e mais fiáveis automóveis. Com uma longa história de sucesso no nosso país, a Honda conquistou uma verdadeira comunidade de fãs, que reconhecem na marca a fiabilidade, segurança e tecnologia que nos caracterizam. A competição e a performance estão no nosso ADN e é por isso que, diariamente, continuamos a trabalhar para que todas as viagens sejam verdadeiramente emocionantes. Ver perfil

Siga-nos no Instagram

@honda.pt