Resultados
Racing

Honda Jazz leva tecnologia híbrida da Fórmula 1 para as estradas

Honda Jazz na Formula 1

O Novo Honda Jazz conta com a inovação híbrida avançada da Honda, desde as pistas de corrida para as estradas. Com esta tecnologia, o objetivo é atingir níveis de eficiência energética de excelência para o sistema híbrido e:HEV da marca.

Utilizando os conhecimentos de engenharia da sua equipa de automobilismo, em especial do programa Formula 1™ Hybrid Power Unit (PU), a Honda espera conseguir melhorar a eficiência energética do sistema híbrido e:HEV da marca.

Tecnologia diretamente das pistas de Fórmula 1

O mais recente Honda para a Formula 1™ Hybrid Power Unit, denominado RA620H, utiliza um motor de combustão interna altamente eficiente. Com seis cilindros e 1600cc, combina potência com um Sistema de Recuperação de Energia, que se traduz numa maior eficiência.

Como é que esta eficiência é conseguida? Através de sistemas híbridos avançados que reciclam a energia produzida pelos travões e gases do tubo de escape. Desta forma, geram uma potência adicional para a aceleração e reduzir o turbo-lag.

Durante as corridas, os engenheiros da Fórmula 1 da Honda avaliam e alteram, frequentemente, a taxa de energia recuperada e utilizada pelo sistema híbrido, com o objetivo de oferecer o melhor desempenho possível.

O conhecimento que desenvolveram ao trabalhar com a tecnologia híbrida, até níveis de eficiência e potência ideais, influencia a gama de motorizações híbridas avançadas e:HEV nos seus carros de passageiros.

Carro de Formula 1

Durante um fim de semana de competição de Fórmula 1, as equipas têm que gerir com muito cuidado a quantidade de combustível que utilizam para cumprir os regulamentos da competição.

Por norma, é dividida a quantidade total de combustível pelo número de voltas. Existem situações nas quais uma equipa desejaria utilizar mais combustível, com o objetivo de obter um melhor desempenho.

Em outras situações da corrida, teria desejado poupar combustível para utilizar mais tarde como, por exemplo, nas entradas do safety car.

No entanto, nos híbridos e:HEV citadinos, a Honda aplicou os seus conhecimentos para garantir que a motorização oferece a melhor relação possível entre potência e eficiência para o condutor, em qualquer modo de condução.

O Novo Honda Jazz Híbrido

O mais recente modelo a beneficiar da tecnologia e:HEV é o Novo Honda Jazz. O seu sistema híbrido e:HEV recicla energia e aproveita-a para carregar a bateria e, desta forma, dar suporte à potência do motor, para um desempenho forte, sem interrupção entre os modos de condução, e uma eficiência máxima.

Este sistema consiste em dois motores elétricos compactos, conectados a um motor a gasolina 1.5 DOHC i-VTEC, uma bateria de iões de lítio e uma transmissão fixa inovadora, via uma unidade de controlo de potência inteligente, que trabalham em conjunto para proporcionar uma resposta suave e direta.

Para apresentar uma experiência de condução recompensadora e eficiente, a configuração avançada e:HEV seleciona entre três modos de condução permutáveis:

  • EV Drive: a bateria de iões de lítio fornece energia diretamente para o motor de propulsão elétrica;
  • Hybrid Drive: o motor fornece energia ao gerador elétrico que, por sua vez, alimenta o motor de propulsão elétrica;
  • Engine Drive: o motor a gasolina está conectado diretamente às rodas através de uma embraiagem automática e a força motriz é transmitida diretamente do motor para as rodas.

Honda Jazz na Formula 1

Para além de todas as vantagens associadas a um automóvel citadino, na maioria das situações de condução em cidade, a eficiência ideal é alcançada através de transições perfeitas entre os modos de condução EV Drive e Hybrid Drive.

Para conduzir a velocidades elevadas, utiliza-se o Engine Drive, complementado por um pico de potência do motor de propulsão elétrica para uma rápida aceleração. No modo de condução Hybrid Drive, o excesso de energia do motor a gasolina pode ser redirecionado para recarregar a bateria através do seu gerador.

Em vez de utilizar uma transmissão convencional, o Novo Honda Jazz está equipado com uma transmissão variável contínua, controlada eletronicamente (eCVT) para criar uma conexão única entre os componentes móveis.

O resultado é uma transição suave de binário, com uma sensação linear durante a aceleração em todos os modos de condução.

A herança de competição da Honda remete para o ano de 1958, mas foi em 1965 que a marca viu a sua primeira conquista na Fórmula 1. Ao longo da participação na Fórmula 1, a Honda conquistou um total de 74 grandes prémios e seis títulos de construtores.

Esta participação no nível mais alto do automobilismo permitiu à Honda manter as suas capacidades de engenharia num nível elevado e a aplicação da sua experiência e conhecimento para a estrada.

Honda Portugal Automóveis
Honda Portugal Automóveis A Honda chegou a Portugal em 1968, preparada para conquistar os portugueses com a sua inovadora tecnologia e os melhores e mais fiáveis automóveis. Com uma longa história de sucesso no nosso país, a Honda conquistou uma verdadeira comunidade de fãs, que reconhecem na marca a fiabilidade, segurança e tecnologia que nos caracterizam. A competição e a performance estão no nosso ADN e é por isso que, diariamente, continuamos a trabalhar para que todas as viagens sejam verdadeiramente emocionantes. Ver perfil

Siga-nos no Instagram

@honda.pt